quinta-feira, 14 de março de 2019

Seu Kowalsky e os Nômades de Pedra

Estou participando com minha banda de uma votação na Internet para um importante Festival até o dia 21 de março de 2019. Vá no link abaixo e deixe seu voto. Seu Kowalsky agradece. Valeu



LINK =>>>> Seu Kowalsky e os Nômades de Pedra:
 Somos uma banda autoral. Seu Kowalsky é o líder. Compositor, cantor, músico, escritor, cientista. Escreve músicas, desde criança. Participou de vários Festivais....

quarta-feira, 13 de março de 2019

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

DIA DO SOCIÓLOGO: um adeus a velha sociologia!

Oi leitor com hermenêutica de profundidade. Coisa rara! Alguém interessado em uma leitura densa? Alguém querendo entender a crise atual do conhecimento moderno? Hoje é dia do Sociólogo. Algo que - entre outras coisas me tornei. Um presente (não é de grego). Disponibilizando Artigo autoral.

CLICK AQUI => http://www.scielo.br/pdf/soc/n15/a06v8n15.pdf

Creio que esse meu artigo - sem muita modéstia - ajudará muito. 
Tento abarcar toda a história do conhecimento desde o saber pré-moderno, a crise do pensamento moderno atual. Com algum esforço creio que ajuda muito. Foi traduzido para o inglês, tem sido utilizado em algumas Universidades fora do país – o que me orgulha muito. Aliás para meus amigos de fora do país: quem tiver interesse do texto em Inglês me acione que envio. Leitura para fazer sentado.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

SEU KOWALSKY NO PALCO EM PORTO ALEGRE


Vamos esquentar a diversão para o Natal. Quero você na gravação do meu Show. Te espero lá!


Click aqui => CONFIRME PRESENÇA


Seu Kowalsky sobe novamente aos palcos em Porto Alegre e desta vez, para a GRAVAÇÃO AO VIVO DO SHOW "Seu Kowalsky e os Nômades de Pedra", apresentando músicas autorais *(dando seus recados como sempre)*, e agora mesclando também grandes hits do rock pop e do blues de diferentes épocas.

O repertório tem como foco principal as músicas autorais de seu Ep. Kowalsky 1.0, de 2017. A banda trará também canções inéditas, além de interpretações e versões de clássicos do Rock nacional, como: Mutantes, Raul Seixas, Titãs; grandes hits do Blues internacional – Janis Lyn Joplin, B.B. King. E claro, não poderia faltar aos enamorados, versões de Norah Jones e Joe Cocker.


INTEGRANTES

Seu kowalsky (Gilson Lima) – Vocal
Saul Farias – Baixo e backing vocal
Allan Forell – Guitarra
Eduardo Ventura – Bateria

MÚSICOS CONVIDADOS 

Vinícius Silveira – Guitarra
Ellen Viega – Backing vocal
Dina Crippa – Backing vocal
Marcela Machado – Backing vocal
Erick Lobato – Backing vocal
Duo Brass – Naipe de Metais
________________________________

INGRESSOS
R$ 20,00

Na hora: Gravador Pub
Lotação: ~100 pessoas

________________________________
– QUANDO –

22 de DEZEMBRO | 21:30h 
*A casa abre as 20 horas

– ONDE –
GRAVADOR PUB 

Rua Conde de Porto Alegre, 22 – Bairro São Geraldo – Porto Alegre/RS.
________________________________

**Classificação LIVRE**
________________________________

Realização:
GRAVADOR PUB

Apoio:







________________________________

– CONTATOS E INFORMAÇÕES –

seukowalsky@gmail.com

Gravador Pub: (51) 99975-5450

**GARANTA JÁ SEU INGRESSO E VENHA SE DIVERTIR!!!**

Seu Kowalsky no palco => SHOW GRAVAÇÃO AO VIVO EM PORTO ALEGRE


Vamos esquentar a diversão para o Natal. Quero você na gravação do meu Show. Te espero lá!

Click aqui e =>  CONFIRME PRESENÇA 


Seu Kowalsky sobe novamente aos palcos em Porto Alegre e desta vez, para a GRAVAÇÃO AO VIVO DO SHOW "Seu Kowalsky e os Nômades de Pedra", apresentando músicas autorais *(dando seus recados como sempre)*, e agora mesclando também grandes hits do rock pop e do blues de diferentes épocas.
O repertório tem como foco principal as músicas autorais de seu Ep. Kowalsky 1.0, de 2017. A banda trará também canções inéditas, além de interpretações e versões de clássicos do Rock nacional, como: Mutantes, Raul Seixas, Titãs; grandes hits do Blues internacional – Janis Lyn Joplin, B.B. King. E claro, não poderia faltar aos enamorados, versões de Norah Jones e Joe Cocker.
INTEGRANTES
Seu kowalsky (Gilson Lima) – Vocal
Saul Farias – Baixo e backing vocal
Allan Forell – Guitarra
Eduardo Ventura – Bateria
MÚSICOS CONVIDADOS
Vinícius Silveira – Guitarra
Ellen Viega – Backing vocal
Dina Crippa – Backing vocal
Marcela Machado – Backing vocal
Erick Lobato – Backing vocal
Duo Brass – Naipe de Metais
________________________________
INGRESSOS
R$ 20,00
Na hora: Gravador Pub
Lotação: ~100 pessoas
________________________________
– QUANDO –
22 de DEZEMBRO | 21:30h
*A casa abre as 20 horas
– ONDE –
GRAVADOR PUB
Rua Conde de Porto Alegre, 22 – Bairro São Geraldo – Porto Alegre/RS.
________________________________
**Classificação LIVRE**
________________________________
Realização:
GRAVADOR PUB
Apoio:
VIBRATO – Espaço de Música
VOIX STUDIO – Especializada em Técnica Vocal
________________________________
– CONTATOS E INFORMAÇÕES –
seukowalsky@gmail.com
Gravador Pub: (51) 99975-5450
**GARANTA JÁ SEU INGRESSO E VENHA SE DIVERTIR!!!**

terça-feira, 6 de março de 2018

O MEDO DE APRENDER COM OS MAIS VELHOS


"O cérebro humano pesa cerca de 1,4 kg e representa cerca de 2% do peso do corpo. Contudo, consome mais de 20% de energia de todo o corpo. Dos alimentos que ingerimos, vai um quinto para o cérebro. Em momentos de escassez, o cérebro é para nós um luxo impensável. Como ao longo da evolução da raça humana houve épocas de grande escassez, o cérebro tinha de oferecer vantagens que compensassem o seu principal inconveniente: o seu elevado consumo de energia. Parece que para quem tivesse fome e tivesse de procurar raízes e frutos, seria melhor não ter cérebro, pois precisaria procurar menos 20%".
Nós temos um cérebro e por uma boa razão: ele contém alguns milhares de neurônios que nos permitem poder estar no mundo e poder fazer coisas que outros seres vivos não podem fazer. Graças ao cérebro, as pessoas são incri­velmente flexíveis, povoam toda a Terra e deram também o primeiro passo na Lua.  
"Os tigres têm dentes mais aguçados, os elefantes são mais fortes, os leopardos são mais rápidos, os ursos polares suportam melhor o frio, as baleias nadam melhor e os albatrozes voam melhor. Em oposição a todos estes animais de excepção, contudo, o homem, graças ao seu cérebro, embora não particularmente especializado numa competência, pode enfrentar as mais diversas situações, trabalhos e problemas".
( Manfred Spitzer).
APRENDER com os mais velhos provoca medo em muitos jovens de hoje. Provavelmente, eles não desejam aprender. As crianças costumam ser curiosas, mas os jovens de hoje costumam reagir com medo ou fastio perante as experiências dos mais velhos. Vivem de novidade em novidade, confundem tecnologia com conhecimento fazendo atuar desta forma muitas vezes o seu medo de encalhar no velho. Claro que os adultos e, sobretudo, os idosos, têm um receio compreensível perante a novidade. Sentem saudades dos bons velhos tempos (que, como sabemos, não eram assim tão bons). Aqui parece existir uma con­tradição paradoxal: nós, os seres humanos, somos a única espécie que aprende mais e melhor; por outro lado, temos medo de aprender. Como é possível esta aparente contradição? 
Seja quem seja, aprender muda. Quando aprendemos algo de novo, não ficamos na mesma; não só aprendemos mais quantidade de ensinamentos, como também nos transformamos. A recepção do que é novo significa sempre mudança em quem recebe. Para o sistema biológico, a aprendizagem funciona assim. Quando somos confrontados com a novidade, pensamentos desconhecidos mergulham na nossa mente. Nós nos transformamos quando aprendemos com o velho e com o novo e isso pode causar medo.
Aprender é literalmente facílimo. O bebê, ao fim de poucas centenas de dias, já consegue agarrar, andar, cantar e comunicar. Para as crianças em idade pré-escolar, isto não representa qualquer problema: elas estão em construção. Elas aprendem uma nova palavra em cada 90 minutos, sem medo. Para muitas pessoas a novidade pode parecer ameaçadora. Os risos reprimidos em dinâmicas de grupo em cursos e seminários demostram isso. 
 Podemos aprender e se aprende melhor com os nossos erros ou com os erros dos outros. Não esqueçam jovens que os mais velhos erraram mais e já aprenderam também com muitos de seus erros. Também continuam errando. Não custa estar atento e aprender com eles também. 

Aprender não apresenta problemas, a menos que alguma coisa não esteja bem na nosso cérebro, como, por exemplo, se estivermos cansados ou sob os efeitos de drogas....

segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Festina Lent (apressa-te lentamente).

“Festina Lent” 02.
(provérbio italiano = apressa-te lentamente).
Um chefe indígena das ilhas Samoa – Tuiavii de Tiavea – teve a oportunidade de realizar uma viagem a Europa e de escrever uma espécie de reportagem antropológica sobre usos e costumes dos brancos europeus que ele chamou de Papalagi. Vejamos:

“O Papalagi está sempre descontente com seu tempo e se lamenta com o Grande Espírito porque não lhe deu tempo bastante... Nunca entendi bem essa coisa e penso que se trata e penso que se trata mesmo de uma grave doença. `O tempo me escapa ´, `O tempo corre como um potro enlouquecido!´, `Me dê um pouco de tempo´. Essas são as queixas habituais que fazem os homens brancos... Suponho que seja uma doença porque o homem branco tem vontade de fazer algo que seu coração deseje de verdade, por exemplo, andar ao sol, ou passear no rio com uma canoa e queira amar sua menina, assim estraga toda sua alegria, atormentando-se com o pensamento: `Não tenho tempo de estar contente.´... Há  Papalagi que afirma nunca ter tempo. Correm em volta como desesperados, como possuídos pelo demônio e onde quer que estejam fazem o mal e provocam mal-estar e criam espanto porque perderam seu tempo”.

Seu Kowalsky e os Nômades de Pedra

Estou participando com minha banda de uma votação na Internet para um importante Festival até o dia 21 de março de 2019. Vá no link abaixo e...

Mais Lidas